1978-1981-1983-1985-1987-1991-1993-1995-1997-1999-2000-2001-2002-2003-2004-2005-2006-2007-2008-2009-2010-2011-2012-2013-2014-2015-2016-2017-2018-2019


Festas da Praia – 2019

 

 

Presidente da Câmara – Tibério Dinis

Organizador: Cooperativa Praia Cultural

Tibério Dinis, eleito Presidente da Câmara em 2017, ao assumir funções, chegado o momento de tomar decisões sobre a organização das Festas da Praia da Vitória, avançou com algumas novidades.
Em primeiro lugar a reorganização do Music Blue Resort, entregando a componente do cartaz musical, através de concurso público, a uma empresa privada afastando, desse modo, os riscos financeiros a que a Cooperativa Cultural estava sujeita, o mesmo acontecendo em relação ao cartaz tauromáquico, conseguindo assim diminuir o valor investido pela autarquia nessas duas valências das festas.
Introduziu igualmente a figura do “Diretor Artístico” para que, em conjunto, com os elementos da cooperativa pudesse introduzir as inovações que se desejam para cada uma das edições da festa.
Para o futuro, que já estava preparado para este ano, haverá uma componente nova, a da “repescagem” do cortejo etnográfico integrado num dia do programa que será dedicado ao Ambiente.
Um interessante depoimento que pode ver, na íntegra, aqui em baixo.

 

 

Coordenadora das actividades de rua – Madalena Pereira

Madalena Pereira lembra-se bem da hesitação que sentiu quando foi convidada para ser a responsável pelas actividades de rua nas festas de 2019 porque se lhe afigurava difícil conciliar esse desafio com a sua atividade profissional.
Depois de pensar no assunto aceitou o convite e sentiu-se feliz pela tarefa que lhe tinha sido confiada.
Lendas de Maresia foi o tema escolhido pela forte ligação que Madalena Pereira tem com o mar, quer por si própria, quer pelas muitas histórias relacionadas que foi ouvindo de parentes mais velhos na ilha do Pico de onde é natural.
Madalena Pereira no depoimento que prestou e pode ouvir, na íntegra, aqui abaixo fala do trabalho que toda uma equipa desenvolveu para que a parte das festas que lhe competiam corressem da melhor forma.

 

 

Cortejo Infantil "Idades" - Festas da Praia 2019


 

Largada de touros


 

Cartaz Taurino Festas Praia Da Vitória 2019


 

Festas da Praia 2019 (Tourada à Corda Areal da Praia Grande)


 

Feira Gastronómica – Desde 2012 organizada pela Escola Profissional da Praia da Vitória

Diretor da Escola – Domingos Borges

Desde 2012 que a responsabilidade da organização da feira gastronômica faz Festas da Praia da Vitória passou para a Escola Profissional passando a usar o nome de Feira do Atlântico.
Domingos Borges explica, no depoimento que pode ouvir, os passos dados desde que, em 2012, a realização da feira passou para a tutela da Escola profissional da Praia da Vitória.

TOURADAS

Desde 2007 que a feira tauromáquica das festas da Praia está entregue ao Grupo de forcados do Ramo Grande e à Tertúlia Tauromáquica da Praia da Vitória.
Manuel Pires, Cabo do Grupo de Forcados Amadores explica como se processa, em cada ano, a preparação do cartaz taurino das festas dizendo que o segredo está na preparação com antecedência de maneira a que se consiga atingir um equilíbrio entre a qualidade do cartaz e a sua sustentabilidade financeira.
Um depoimento que pode ouvir, na íntegra, aqui em baixo. 

 

Marcha Oficial das Festas da Praia – 2019

 

 

 

GALERIA DE VIDEOS

 

Tertúlia Tauromáquica Praiense

Francisco Magalhães, atualmente, Presidente da Tertúlia Tauromáquica Praiense, uma instituição desde sempre ligada à organização da feira taurina das Festas da Praia da Vitória explica-nos, no seu depoimento, que para erguer este ponto alto das mesmas é necessário muito trabalho.
Há uma equipa, refere, constituída por 5 elementos, três da Tertúlia e dois do Grupo de Forcados do ramo Grande, que tem a seu cargo preparar a corrida em cada ano.
O trabalho começa cedo porque há muitos detalhes a ter em conta, desde a escolha dos artistas, aos contatos, às marcações das viagens para os mesmos e para os cavalos e touros.
Procuram sempre contactar os ganadeiros locais mas, muitas vezes, não conseguem arranjar os animais desejados pelo que, na maioria das vezes, os touros vêm de fora.
Um depoimento que pode ouvir, na íntegra, aqui em baixo.

 

1978-1981-1983-1985-1987-1991-1993-1995-1997-1999-2000-2001-2002-2003-2004-2005-2006-2007-2008-2009-2010-2011-2012-2013-2014-2015-2016-2017-2018-2019